Convênio firmado entre Câmpus Quirinópolis e Prefeitura prevê criação de unidade de conservação ambiental

O Câmpus Quirinópolis da Universidade Estadual de Goiás (UEG) firmou, na segunda-feira, 10, convênio com a Prefeitura de Quirinópolis para a disponibilização de equipamentos e materiais destinados à UEG para laboratórios tecnológicos. 

A parceria visa desenvolver o plano de manejo da Unidade de Conservação Refúgio Silvestre da Serra da Fortaleza. A mesa-redonda aconteceu no Teatro Municipal. 

A unidade de conservação será a primeira da região Sul de Goiás e terá uma base de apoio para abrigar os pesquisadores em uma área total de aproximadamente 500 hectares.

O Plano será desenvolvido também pela Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuaria (Emater-GO), sob a coordenação da UEG. Os trabalhos serão supervisionados pela Secretaria de Meio Ambiente da cidade.

“Essa parceria é de grande importância para o meio ambiente. Assim estaremos protegendo a fauna silvestre da nossa região”, afirmou o prefeito de Quirinópolis, Gilmar Alves. 

Além do prefeito, estiveram presentes o diretor do câmpus, Roberto Barcelos, e do professor da UEG, Raoni Ribeiro; a primeira-dama e secretária de promoção e assistência social, Zélia Teodoro; o secretário de Agricultura e Meio Ambiente, João Batista Valeriano; a promotora de Justiça Ângela Acosta; o engenheiro agrônomo da Emater da Região do Rio Paranaíba, Sérgio Martins; e sociedade em geral. 

   WhatsApp_Image_20180912_at_10.33.03_1

 WhatsApp_Image_20180912_at_10.33.03

 

(Weber Witt| CeCom|UEG, com informações do Câmpus Quirinópolis)

 

Notícia publicada em 12/09/2018