Com participação de professores e alunos da UEG, 4º Fronteira segue até sábado

Cena do filme Kris Bronze

Com a participação de alunos, estudantes e egressos do curso de Cinema e Audiovisual da Universidade Estadual de Goiás (UEG) Câmpus Goiânia-Laranjeiras, segue até sábado, 21, em Goiânia, o 4º Fronteira - Festival Internacional do Filme Documentário e Experimental.

As estudantes Bárbara Santa e Bruna Chamelet fazem parte do Júri Jovem e Monitoria, que julga os filmes das competitivas internacionais de longas e curtas. A professora Ceiça Ferreira colaborou de debate na Mostra especial: Experimentos da Diáspora, na quarta-feira, 18. Com os alunos da UEG, compõem também o júri jovem os estudantes Marcos Paulo e Katsuya Harada, do curso de Cinema e Audiovisual do Instituto Federal – Câmpus Goiás, o que destaca o intercâmbio entre as duas instituições.

Outro espaço de intercâmbio e contribuição ao festival são as monitorias na área da produção, sob supervisão da coordenadora Tamara Benetti. Os alunos Bruno Mendes, Amanda Fraga e Sarah Hellen também têm mantido contato com alunos de outras instituições e vivenciado a experiência de colaborar com a organização de um festival internacional.

Egresso e diretor
No sábado, 21, às 17h, na mostra especial não competitiva – dedicada aos filmes de invenção produzidos em Goiás –, serão exibidos Kris Bronze e Wide Awake, respectivamente do egresso Larry Sullivan e do diretor do Câmpus Goiânia-Laranjeiras e professor do curso, Rafael de Almeida.

Kris Bronze se passa no dia 8 de março, quando Kelly Cristina prepara uma festa só para mulheres. Em Wide Awake, uma mulher hipnotizada tem um sonho futurista sobre o amor, viagens siderais e um ataque de robôs alienígenas, por meio de imagens de arquivo da televisão do futuro.

A professora Geórgia Cynara assina a assessoria de comunicação da quarta edição do festival e participa da Estado crítico – residência em crítica cinematográfica, que ocorre durante o evento. Mais informações: www.fronteirafestival.com ou www.facebook.com/fronteirafestival/

O festival é realizado no Cinema Lumière do Banana Shopping, pela Barroca Filmes, com recursos do Fundo Nacional da Cultura, apresentação da Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura, Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás, Seduce e Governo de Goiás, e patrocínio da rede Cinemas Lumière. Os ingressos podem ser adquiridos a 8 reais (inteira), 4 reais (meia) e 70 reais (passaporte para todas as sessões).

 

(CeCom, com informações do professor Rafael de Almeida)

 

Notícia publicada em 19/04/2018