Estado de Goiás

2º Programa de Desenvolvimento Tecnológico e Empreendedorismo é lançado na UEG  

 A Universidade Estadual de Goiás (UEG) em parceria com a Fundação de Desenvolvimento de Tecnópolis (Funtec), o Programa de Incubadora (Proin.UEG) e a Agência de Inovação e de Transferência de Tecnologia (AITT/UEG) lançaram hoje, 31, a 2ª edição do Programa de Desenvolvimento Tecnológico e Empreendedorismo Inovador.

O evento foi marcado pela palestra sobre Novas Tecnologias e Organizações Exponenciais com a investidora e business, Chris Taveira. A palestrante contou sua experiência na empresa BobsJet e no Grupo Northon e enfatizou o lema “transformar soluções inovadoras em negócios globais” como orientação para que empresas alcancem crescimento exponencial.

Chris Taveira também destacou como o mundo dos negócios está inserido na Era da Informação e como o empreendedor deve se atentar e se preparar as demandas dessa nova lógica de funcionamento da sociedade: “O que mais pode ser habilitado para a informação? Informação é tudo. Quanto mais informação eu tenho, mais valiosa é minha empresa”. Segundo ela, da mesma maneira que na Segunda Revolução Industrial as pessoas se adaptaram às máquinas, agora na Revolução Digital, teremos que nos adaptar às informações.

 

O lançamento também contou com um curso sobre Oportunidades de inovação e Tendências - ministrado pelo coordenador do Proin, Bruno Alencar e pelo coordenador da AITT, Eduardo Gomes - que abre a sequência de capacitações e palestras do Programa de Desenvolvimento Tecnológico e Empreendedorismo Inovador.

O professor Eduardo Gomes apresentou tendências, explicou como a fusão e combinação de tecnologias tem sido aplicada nas mais diversas áreas e como já está transformando a vida humana, a exemplo do Big Data, da computação em nuvem, da internet das coisas, da inteligência artificial, do machine learning, da bioinformática, da nanotecnologia e da revolução dos aplicativos.

Já em sua fala, o professor Bruno Alencar alertou que, no contexto das inovações tecnológicas, a mentalidade e estratégias das universidades precisa mudar para acompanhar a lógica digital.

 

 (Adriana Rodrigues | CeCom|UEG)

Notícia publicada em 31/08/2017
BR 153 Quadra Área, Km 99, Anápolis-Goiás