Cotas

O sistema de cotas é aplicado nos Processos Seletivos da Universidade desde 2005, sendo a UEG uma das pioneiras na implantação dessa política de acesso no Brasil.  

Hoje a política reserva 45% das vagas regulares ofertadas para cotistas: 20% para estudantes de escola pública, 20% para negros e 5% para indígenas e portadores de deficiência.

Com mais de 30 mil estudantes beneficiados com do sistema de cotas ao longo de 13 anos, a UEG afirma sua natureza pública e inclusiva, ampliando as oportunidades educacionais e cooperando com a democratização do acesso ao ensino superior e com a redução das desigualdades sociais no país.